Claudia Cunha canta sucessos e Gal Costa no show em homenagem às mulheres no Arte no Paschoal

0
Claudia Cunha: Foto divulgação: Sidney Rocharte

A premiada intérprete e compositora Cláudia Cunha é quem sobe ao palco do “Arte no Paschoal”, na próxima sexta-feira, dia 17, às 20h. A ação é promovida pelo Pelourinho Dia e Noite, na Cruz do Paschoal, na Rua Direita do Santo Antônio.

Cláudia Cunha escolheu para esta apresentação, que faz parte da série de shows do projeto em homenagem às mulheres, trazer de volta à cena seu espetáculo “Solar”, onde se debruça sobre a obra de Gal Costa, que ela chama de “a mais incrível e luminosa”.

“Em 2012 estreei o “Solar” no Teatro Vila Velha, um show dedicado a fase mais rock’n’roll e tropicalista de Gal. Sobre um repertório brilhante e na companhia de músicos iluminados, venho desde então aproveitando os convites que mantêm esse trabalho vivo reafirmando que somos filhos do sol e herdeiros dessa musa estratosférica e fa-tal que é Gal”, afirma Cláudia.

Nas próximas semanas mais dois shows em homenagem à mulher sobem ao palco montado na Cruz do Paschoal para as apresentações da terceira edição do “Arte no Paschoal”, nas sextas-feiras, dias 24 e 31 de janeiro, com as cantoras  Matilde Charles e  Ana Paula Albuquerque.

Os shows do Arte no Paschoal fazem parte da programação do Pelourinho Dia e Noite, programa desenvolvido pela Diretoria de Gestão do Centro Histórico, da Secult- Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, Prefeitura de Salvador.

Sobre Claudia Cunha – Uma das principais artistas da cena musical da Bahia, seu trabalho como intérprete e compositora conquistou os três mais importantes prêmios da área musical da Bahia: Troféu Caymmi; os X e V Festival de Música da Educadora FM (2007 e 2012), e o Prêmio Braskem, que lhe possibilitou a gravação do seu primeiro CD “Responde à Roda” (Biscoito Fino) pelo qual foi indicada ao Prêmio da Música Brasileira na categoria Melhor Cantora (Categoria Regional). Suas apresentações elogiadas têm sido levadas aos principais espaços e projetos artísticos de Salvador e do Estado (TCA, Festival de Lençóis, Música no Parque, FLICA, Conexão Vivo, MPB Petrobrás. Conexão Vivo, etc). 

Confira a programação do “Arte no Paschoal”, sempre às sextas, às 20h

Dias  17, 24 e 31 de janeiro, na Cruz do Paschoal, Santo Antônio Além do Carmo

17 – Cláudia Cunha

24 – Matilde Charles

31 – Ana Paula Albuquerque

Serviço :

Arte no Paschoal”, do Pelourinho Dia e Noite

Show “Solar”, de Claudia Cunha

Data e horário : 17 de janeiro, às 20h

Local : Cruz do Paschoal, na Rua Direita do Santo Antônio

Gratuito

Toda a programação está disponível no site www.pelourinhodiaenoite.com.br.

Confira a programação do Pelourinho Dia e Noite para janeiro:

República dos Ritmos, de quinta a sábado, às 16h – grupos Swing do Pelô, Tambores e Cores e Meninos da Rocinha

Dias, 16, 17, 18, 19, 23, 24, 25, 26, 30 e 31, pelas ruas e praças do Pelourinho

Viradão do Samba, às quintas-feiras, às 19h30 – Jota Zô (Praça da Sé), Samba da Vizinha (Terreiro de Jesus, ao lado do Cravinho) e Samba de Verdade ( Largo do Pelourinho) – às 21h30 todos os grupos se juntam na Praça da Sé para uma grande roda de samba

Dias 16, 23 e 30, com rodas de samba na Praça da Sé, Terreiro de Jesus e Largo do Pelourinho

POTI – Polo de Teatro Itinerante – Circuito Jorge Amado, às sextas-feiras, às 19h

Dias  17, 24 e 31, saindo do Largo do Pelourinho

Arte no Paschoal, shows intimistas às sextas, às 20h

Dias 10, 17, 24 e 31 na Cruz do Paschoal, Santo Antônio Além do Carmo

17 – Cláudia Cunha

24 – Matilde Charles

31 – Ana Paula Albuquerque

POPELÔ – Polo de Orquestras do Pelourinho – concertos aos sábados, às 17h

Dias 18 e 25, no Cruzeiro do São Francisco, com plateia montada com cadeiras.

11 – Orquestra São Salvador (maestro Fred Dantas)

18 – Orquestra de Câmara de Salvador (maestro Ângelo Rafael)

25 – Sanbone Pagode Orquestra (maestro Hugo Sanbone)

POPELÔ – Polo de Orquestras do Pelourinho – ensaios às quartas, às 19h

Dias 15, 22 e 29, no Largo do Pelourinho

Todos os dias Orquestra Afrosinfônica (maestro Ubiratan Marques).

Por: Doris Pinheiro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui