Defesa Civil de Camaçari realiza visita técnica na Cetrel

0

Empenhados em buscar serviços que ofereçam mais segurança para a população de Camaçari, a Defesa Civil do município realizou visita técnica na sede da Cetrel, na tarde desta quarta-feira (22/5). O objetivo do encontro foi de conhecer as atividades da empresa e aumentar os conhecimentos, além de apreciar o sistema de funcionamento dos equipamentos de meteorologia e estação de qualidade do ar.

A equipe foi recebida por Bruno Cardoso, engenheiro ambiental da Cetrel. De acordo com Bruno, a Rede de Monitoramento da Qualidade do Ar e Meteorologia utiliza o que existe de mais moderno no mundo nessa área, com alta tecnologia, e é composta de dez estações automáticas distribuídas estrategicamente na área de influência do Polo Industrial de Camaçari.

Na oportunidade, Ivanaldo Soares, coordenador da Defesa Civil, salientou a importância de que seja implantado o Centro de Monitoramento Meteorológico em pontos da cidade. “Estamos trabalhando e buscando estratégias que possam garantir a segurança de todos e acreditamos que seja importante uma cobertura total da Costa de Camaçari, com perspectiva de pontos da Rede na orla, que apresente inventário de medições contínuas ou pontuais do sistema de meteorologia e a qualidade do ar”, disse.

Durante a visita, Bruno se colocou à disposição da Defesa Civil e sugeriu a criação de um memorial descritivo, contendo as informações do projeto que será elaborado pelo órgão. “Estamos honrados pelo trabalho que a Prefeitura está desenvolvendo em relação à questão meteorológica, buscando soluções para o controle do monitoramento de chuva e da qualidade do ar”, concluiu.

Atualmente duas estações, a de Machadindo e a de Areias, que faz precipitação pluviométrica (medida em milímetros e somatório da quantidade da precipitação de água), possuem pesquisas em aspectos meteorológicos com foco em desastres naturais, queda de árvores, enchentes e inundações, além de controlar e avaliar as condições e níveis de chuva, ventos e radiação solar.

Foto: Ascom/PMC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui