Governo intensifica fiscalização nas praias de Camaçari

0
Sedur_Ação integrada de fiscalização decreto covid praias da costa_Jauá. Foto Tiago Pacheco

Equipes de quatro secretarias municipais deram continuidade, na manhã deste domingo (21/2), às ações de fiscalização para conter aglomerações e fazer valer o decreto que proíbe o acesso às praias de Camaçari, como forma de conter a ampla disseminação da Covid-19. A iniciativa, que foi intensificada e ampliada desde o último Decreto Municipal de número 7.473, publicado no Diário Oficial do Município (DOM) n.º 1.605, na sexta-feira (19/2), contou com dois grupos de trabalho, que atuaram de forma simultânea, uma de Busca Vida à Arembepe, e a outra, de Barra do Jacuípe à Itacimirim.

De acordo com a gestora da Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur), Andréa Montenegro, os órgãos públicos estão em parceria, unindo forças no combate à propagação do novo coronavírus. “Estamos no momento mais extremo da pandemia e precisamos do apoio da sociedade, evitando aglomerações, usando máscara, seguindo as orientações sanitárias quanto à higienização das mãos e mantendo o distanciamento social”, disse, ao acrescentar que a ação conta com a parceria da Polícia Militar.


Ainda na ocasião, a 
secretária da Sedur informou que a ação acontece durante todo o dia, com a fiscalização das praias, para que seja cumprido o decreto municipal. No sábado (20/2), foi realizada uma ação educativa e neste domingo segue com equipes na costa, realizando ação de supervisão e controle.


O comandante da 59ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) da Bahia, major André Presa, acompanhou a ação e explicou a contribuição das guarnições nesta operação. “Recebemos os decretos do Governo do Estado e do Prefeito de Camaçari e a ideia é cumpri-los, juntamente com os órgãos, e dar esse apoio, orientando as pessoas para que a gente possa combater o vírus, principalmente, nesse momento tão difícil que a Bahia e Camaçari estão enfrentando”, disse e em tempo fez um apelo: “estamos aqui para ajudar e trazer o bem-estar da população e é importante que os cidadãos se conscientizem que é um momento complicado, um momento difícil e que todos têm sua participação, ficando em casa e procurando se proteger, porque só juntos é que vamos vencer”, finalizou.


De acordo com as novas medidas estabelecidas no decreto, ficam interditados, pelo período de 15 dias, a contar da 0h do dia 21/2 (domingo), até o dia 5 de março, com proibição da utilização e circulação de pessoas, os seguintes espaços públicos: praias, jardins públicos, praças públicas, campos e quadra esportiva, parques públicos, dentre outros.


O cavador de poço e morador de Jauá, Dário Reis, aprovou a iniciativa. “Achei ótimo e é importante seguir as orientações, porque do jeito que as coisas estão pode piorar ainda mais, então é muito importante usar a máscara e evitar aglomeração”, sinalizou.

Em concordância com a opinião do senhor Dário, o estudante José Lucas Soares, parabenizou a iniciativa da prefeitura. “Eu achei que a praia estava livre por ser um ambiente aberto e dar um distanciamento, mas acho útil esta ação e importante, porque o pessoal acaba esquecendo do distanciamento”, disse.


A administração pública acrescenta que para o registro de reclamações relacionadas ao descumprimento das medidas de combate ao coronavírus, como aglomeração, som alto e locais abertos depois das 2
1h, o cidadão pode entrar em contato por meio do telefone 0800 284 6734. O atendimento está disponível à população de domingo a domingo, de 8h às 0h.


Além da equipe da Superintendência de Ordenamento e Fiscalização (Suofis) da Sedur e da Polícia Militar, também participam da iniciativa, agentes da Superintendência de Trânsito e Transporte Público (STT), a equipe da Defesa Civil, coordenação subordinada à Secretaria dos Serviços Públicos (Sesp) e representantes da Prefeitura Avançada da Costa.

ASCOM/PMC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui