Prefeito discute mobilidade, segurança viária e sinalização com a CLN

0
Foto: Ascom/PMC

Diplomacia para vencer a burocracia. O prefeito Elinaldo Araújo está apostando nas relações institucionais para dar celeridades às ações de governo. Após visita a Superintendência Estadual de Energia e reunião com a Concessionária Bahia Norte (CBN), o gestor iniciou diálogo com a Concessionária Litoral Norte (CLN), consórcio que administra a rodovia BA-099 – importante acesso à Costa de Camaçari. A reunião teve como pauta a segurança viária, mobilidade, obras de infraestrutura e a sinalização da via.

Acompanhado dos secretários de Turismo, Gilvan Souza, e de Governo, José Gama, o prefeito foi recebido na sede administrativa da CLN pelo diretor-superintendente Guilherme Hupsel. “Durante todos esses anos a cidade não teve conhecimento de como funciona o contrato de concessão dessa via. Nós só recebemos a obrigação que é o pedágio, mas Camaçari precisa saber quais os benefícios que temos direito e negociar para melhorar a vida da população. Minha visita é para entender e buscar um acordo para resolver nossos problemas de mobilidade e infraestrutura viária no acesso às localidades”, pontuou o prefeito.

O prefeito discutiu ainda a infraestrutura e legalidade das estradas vicinais, obrigações tecnológicas e parcerias para divulgação da Costa de Camaçari. Outro ponto de interesse do município é a sinalização adequada da via, inclusive com placas de indicação de atrativos turísticos e o projeto da Secretaria de Turismo (Setur), de instalação de portais nas divisas do município com Lauro de Freitas e Mata de São João.

Foto: Ascom/PMC

“A identidade Costa de Camaçari é muito mais que apenas um nome. Esse posicionamento e a identificação visual da região é de extrema importância para reconhecimento do nosso destino e oferta dos nossos atrativos turísticos. Estamos buscando infraestrutura, adequação dos destinos, limpeza de lagoas, ordenamento das localidades, mas não podemos esquecer desse fator crucial que é a comunicação. O destino Camaçari já existe, mas agora estamos trabalhando para ser referência no mapa turístico do Estado”, explica o secretário de Turismo, Gilvan Souza.

O diálogo com a administração da via foi amistoso e o superintendente sinalizou apoio para resolução de possíveis conflitos e alinhamento com os projetos municipais. “Eu acredito que a missão da CLN aqui é de ajudar nesse vetor de crescimento que é a BA-099. Nosso interesse é de ajudar Camaçari a crescer e se desenvolver”, afirmou Hupsel. Segundo o superintendente, 54% dos 300 colaboradores da CLN, residem em Camaçari. “Nós damos preferência a quem mora na região”, informou.

Na reunião, ficou estabelecido que a agenda entre a CLN e a Prefeitura será contínua para a busca de soluções legais que facilitem a vida da população e proporcione uma melhor infraestrutura para as comunidades instaladas no entorno da rodovia.

Ascom/PMC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui